Alimentação caseira para gatos. Alimentos liberados + Receitas

Tem curiosidade sobre alimentação caseira para gatos? Nesse post você vai conhecer o que é, alimentos liberados, ter acesso a receitas de petiscos e ainda saber como introduzir essa mudança ao seu pet.

É isso mesmo, trazemos aqui tudo o que você precisa saber sobre o assunto para decidir se transita para essa alternativa ou não. 

Afinal, é importante entender direitinho como funciona a alimentação caseira para gatos. É uma mudança que requer responsabilidade, então a decisão tem que ser bem estudada.

Até porque a gente quer mesmo é o bem estar e a saúde do nosso crush pet, certo? Então não dá para vacilar e correr risco de fazer uma forma prejudicial para ele <3

Ah e vale destacar: esse conteúdo não tem o intuito de substituir uma ida ao veterinário. A ideia é só te apresentar informações sobre a alimentação caseira para gatos, antes de seguir essa linha faça um acompanhamento com o médico do seu fofo.

Se você é gateiro de plantão, vale dar uma olhada no nosso post sobre como tirar cheiro de xixi de gato. As técnicas que deixamos lá ajudam a tirar o mau odor de qualquer ambiente.

Agora sem mais delongas, vamos falar sobre alimentação caseira para gatos! 😀

O que é alimentação caseira para gatos?

Em resumo, está relacionada aos tutores que preparam os alimentos dos bichanos em casa. Com o auxílio do veterinário, você elabora um cardápio com tudo o que o gato necessita para ser saudável e prepara por conta própria, substituindo a ração.

Não é sobre dar as sobras da sua comida para o bichinho. Nem oferecer um ou outro petisco feito em casa de vez em quando.

Em primeiro lugar, para estabelecer uma alimentação caseira para o seu gato você precisa de responsabilidade e disciplina. Ter noção dos nutrientes essenciais para o bem estar dele e ser bem regrado quanto o que vai oferecer.

O organismo do gatinho é bem diferente do nosso. Portanto, existem alguns alimentos que são tóxicos para eles e não são para gente. Além disso, a rotina alimentar dele é bem diferente da nossa.

Quando feita da maneira correta, a alimentação caseira para gatos traz inúmeros benefícios como por exemplo:

  • Melhora a saúde do bichano
  • Pelos mais brilhantes
  • Mais hidratação para o bonito
  • Diminui o odor das fezes
  • Menor queda de pelos

Então se trata de uma alternativa mais natural para quem busca cuidar melhor do seu gato. Se você curte esse tipo de linha, pode ser interessante 🙂

Alimentos liberados

Bom, agora vamos responder aquela clássica pergunta: quais alimentos posso dar para meu gato?

Antes de tudo, vale a ressalva: teremos aqui uma pequena listinha de alimentos que, de modo geral, não são nocivos para os gatos. Só que para você se assegurar completamente e especificamente do seu gato, vale uma ida ao veterinário.

O motivo? Cada pet é um pet. É possível que o seu possua alguma alergia específica, ou então esteja com algum problema como por exemplo diabetes, obesidade ou estresse felino.

Enfim, o que trazemos aqui é só para você ter uma ideia. Não é para montar a dieta dele baseado nisso, ok?

Então, para você que quer saber sobre alimentação caseira para gatos, deve estar ciente que a carne é sua principal fonte de nutrientes. Como são carnívoros obrigatórios, não só não podem faltar no cardápio como são o prato principal.

Algumas carnes desossadas e pouco gordurosas que são liberadas:

  • Bovina: lagarto, coxão mole ou duro, patinho, lagarto, língua
  • Frango: coxa ou sobrecoxa, moela, peito
  • Peixe: salmão, sardinha, tilápia, anchova
  • Coração
  • Vísceras: fígado, miolos, bofe, passarinha

Além delas, o ovo também é uma proteína interessante para incluir na dieta. Em segundo lugar, é legal conhecer sobre alguns vegetais que são permitidos:

  • Folhas: alface, rúcula, agrião, espinafre, manjericão
  • Quiabo
  • Alcachofra
  • Tomate
  • Cenoura
  • Beterraba
  • Batata doce
  • Mandioca
  • Abóbora

Por fim, as frutas são diliças também. Refrescantes, ajudam a hidratar os bonitos. Só precisa ficar atento para não oferecer em excesso, a frutose pode acarretar em diabetes ou obesidade.

Exemplos de frutas que seu crush pet pode amar:

  • Melancia
  • Maçã (sem semente)
  • Pera (sem semente)
  • Melão
  • Manga
  • Morango
  • Banana

Só tome cuidado com: carambola e uva (sendo passas ou não). Essas duas podem fazer muito mal para o bichano. Fique atento também com as que são muito cítricas, se ele tiver alguma reação negativa é melhor não oferecer.

Se você quiser, temos nossa lista de alimentos tóxicos para gatos. Ela te ajuda a se resguardar ainda mais quanto a alimentação do seu nenê (mas também não substitui o veterinário, viu?)

Receitas petiscos caseiros

Petiscos caseiros para gatos são uma ótima ideia para quem gosta de dar agradinhos para o amigo de patas da casa. Opções mais saudáveis e saborosas para eles aproveitarem.

É também uma forma de você sondar o paladar do seu pet antes de introduzir a alimentação caseira para o gato. Você pode ir testando quais carnes, vegetais e frutas ele gosta mais.

Só lembre de dar apenas ocasionalmente, como um mimo mesmo. Petiscos não são uma alternativa de refeição completa. Se eles comerem apenas isso, provavelmente terão alguma baixa nutritiva.

Hoje vou deixar três receitinhas simples e práticas para você testar. Se quiser conhecer mais algumas, clique aqui e saiba sobre um e-book com 40 receitas.

Ah, bater nessa tecla mais uma vez: não deixe de confirmar com o veterinário antes se teria alguma contraindicação para o seu pet comer alguma dessas, viu?

Biscoitos de salmão

Ingredientes:

  • 50g de salmão
  • 1 ovo
  • 25g de farinha
  • 100g de aveia
  • 2 col. de sopa de azeite de oliva

Modo de preparo:

  • Comece pré-aquecendo o forno a 200º
  • Misture tudo em um recipiente. Você deve ficar com uma massa homogênea
  • Faça bolinhas, amasse e coloque sobre a assadeira com papel manteiga ao fundo
  • Deixe no forno por aproximadamente 10 minutos. Ou até dourar.
  • Sirva essa delícia para seu gatinho 🙂

Petisco de atum  

Ingredientes:

  • 400g de atum
  • ½ xícara de arroz cozido
  • ½ xícara de fígado
  • 2 colheres de farinha de peixe

Modo de preparo:

  • Ferva o fígado e depois bata em um processador, a ideia é ficar um purezinho
  • Enquanto isso cozinhe o arroz sem nenhum tempero
  • Depois de pronto, pegue os ingredientes e misture todos, se precisar pode pegar o liquidificador ou processador. Use o atum sem caldo.
  • Ofereça bolinhas da misturinha para o seu crush pet. Guarde na geladeira

Chips de fruta

Ingredientes:

  • 1 maçã ou 1 pera sem sementes

Modo de preparo:

  • Faça fatias fininhas da fruta escolhida, de preferência circular em lâminas (no final vou deixar um vídeo para você visualizar)
  • Leve ao forno até assar e ficar crocante. Aí está pronto o petisco simples para seu peludinho!

É apenas para visualizar a forma de fatiar, não coloque canela nessa receita!

Como introduzir uma alimentação caseira para meu gato?

O primeiro passo para quem quer saber como introduzir uma alimentação caseira para gatos é: avaliar se está realmente disposto a essa mudança.

Para fazer de maneira correta você precisará separar um bom tempo para preparar tudo direitinho. Além disso, muito provavelmente precisará comprar alguns alimentos a mais e ter alguns produtos específicos como por exemplo balança e processador.

Uma ajuda que você pode ter nessa etapa é o nosso conteúdo sobre ração ou alimentação natural: prós, contras e a resposta. Lá você vai ver com mais detalhes os pontos positivos e negativos de cada.

Se depois de fazer essa reflexão você seguir com animação para a ideia, é hora de colocar em prática. Comece levando seu xodó no veterinário para fazer um check-up da saúde e conversar com o profissional sobre sua intenção.

Com as orientações médicas bem claras, é só seguir tudo direitinho. Acredito que ele deve te passar as quantidades exatas e tudo o que você deve fazer para o processo de adaptação. Possivelmente a transição será gradual para seu pet se acostumar.

Por fim, uma dica extra que deixo aqui para você é conferir o Guia Definitivo dos Gatos da RollerCat. 

Elaborado pelo fundador da empresa em conjunto com veterinários, adestradores e jornalistas. Esse material conta com 5 obras completas sobre saúde e bem estar dos felinos. Sendo uma inteirinha sobre alimentos proibidos e doenças.

É uma boa para qualquer gateiro que tem vontade de se informar e estudar mais o comportamento dos gatos. Assim você dá conta de cuidar direitinho do seu lindo, quem sabe até aumentando sua expectativa de vida!

Para visualizar mais informações sobre esse guia, é só clicar aqui 🙂

Curtiu o conteúdo sobre alimentação caseira para gatos?

Conta para a gente nos comentários suas impressões sobre essa alternativa de bem-estar para seu pet. Se você se interessa por esse assunto, não esqueça de dar uma passada no Guia Definitivo de Gatos.

Se quiser continuar lendo mais sobre gatinhos, se liga na nossa lista de livros sobre gatos. Reunimos os principais títulos para quem é apaixonado por gatos conhecer <3

Crush Pets
  • Crush Pets é um Blog para todos os amantes de Pets. Seja cachorro, gato, tartaruga, furão, peixe... tanto faz! Aqui juntamos a comunidade e falamos sobre como cuidar dos animais que amamos 😉

ARTIGOS RELACIONADOS

POSTS FRESQUINHOS

- Advertisement -