[Dicas] Como cuidar de um hamster filhote – O que fazer para que cresça saudável

Pensando em ter, mas não sabe ainda como cuidar de um hamster filhote? Então você chegou exatamente no post que precisava. Hoje falaremos de todas as dicas e cuidados com hamsters filhotes.

Em primeiro lugar, vale ressaltar que provavelmente você não vai comprar um hamster recém nascido. Os roedores vendidos nas lojas de pets em sua maioria já estão com um tempinho de vida, bem peludinhos e de olhos abertos.

Como cuidar de um hamster recém nascido? Com muita cautela e atenção profissional. Isso porque eles são extremamente delicados quando acabam de nascer. Inclusive esse é o motivo pelo qual não são vendidos nos pet shops.

Nesse post começaremos com dicas de como cuidar de um hamster filhote, com uns 30 dias de vida já. A idade de quando se compra na loja.

No final também falaremos sobre como cuidar de um hamster recém nascido, para o caso de ter acontecido da sua pet ter uma ninhada (atenção: a reprodução caseira NÃO é o indicado). 

Lembrando que serão algumas orientações iniciais, o ideal é que você procure a ajuda de um veterinário o mais rápido possível nessa situação!

Agora vamos logo para as dicas de como cuidar de um hamster filhote? Bora ver o que esses fofinhos precisam <3

Dicas de como cuidar de hamster filhote

1- Fique atento a gaiola

Nossa primeira dica de como cuidar de hamster filhote é a atenção a gaiola. Se trata da casa do seu novo crush pet, o ambiente onde ele provavelmente passará a maior parte do tempo. Portanto precisa ser bastante adequada para que ele cresça bem e saudável.

Alguns pontos que você deve considerar são:

Tamanho

O espaço interno da gaiola é bem importante. Se ela for muito pequena pode causar estresse no bichinho.

O tamanho ideal varia de espécie para espécie, algumas precisam de no minimo 30cm de comprimento e outras 40cm.

Limpeza

A higienização é essencial para que o bichinho se sinta bem dentro do seu lar. O ideal é que você limpe com sabão/detergente neutro. 

A frequência necessária de limpeza é a cada cinco dias. Você deve tirar o bonitinho da gaiola enquanto higieniza e deixa secando, então tenha um lugar seguro onde você pode deixá-lo.

Comedouros e bebedouros

Fique atento ao material. Para os comedouros, o mais indicado é o de metal. Não corre risco do seu hamster arrancar algum pedaço dele e nem arrastar para nenhum lugar.

O bebedouro vale a pena investir nos que são automáticos. Com bicos que funcionam como mamadeira. Lembre de deixar sempre água fresca disponível para ele.

Brinquedos

Muito importantes. De verdade, se você quer saber como cuidar de um hamster filhote e deixá-lo feliz, tenha brinquedos na gaiola.

Eles ajudam a manter os bonitinhos entretidos e se exercitando. E são animaizinhos bem agitados, então não deixe essa opção para eles poderem se divertir. Vão ajudar na saúde do bichinho e fazer com que não fiquem estressados nem ariscos.

O vídeo abaixo traz DIY (Faça Você Mesmo) de alguns brinquedos caseiros para roedores:

Substrato

Por fim, pesquise bem o substrato que você vai usar na gaiola. Existem muitas opções no mercado, analise a procedência e saiba os materiais.

Os substratos de granulado higiênico são uma ótima opção. Absorvem muito bem e ainda são bastante confortáveis para os fofinhos.

2- Repare a temperatura

Sim, a temperatura importa muito! Dependendo, pode levar até a morte do seu bichinho 🙁

Eles preferem ambientes de mais calor, mas nada em extremo. O ideal é que você posicione a gaiola em um lugar que chegue o sol, mas que não tenha incidência direta dos raios. Precisa ser fresquinha, mas não bater ventos muito forte.

Digamos que o ideal é que fique com uma temperatura amena. E tome cuidado com mudanças climáticas, principalmente se ficar muito frio. Corre risco do filhote sofrer de choque térmico e isso complica muito a saúde dele.

3- Alimentação correta

Não tem muito mistério, você deve alimentar o petzinho com a ração indicada para a espécie dele. Existem muitas marcas no mercado, vale a pena trocar uma ideia com o veterinário.

Aos poucos você pode oferecer alguns quitutes para o bonito. Lembre de ser algo de acordo com o tamanho dele.

Eles amam alimentos mais duros, afinal são roedores hehe. Algumas ideias são:

  • Cenoura
  • Brocólis
  • Pepino
  • Abóbora
  • Banana
  • Maçã
  • Couve-flor

Fique atento porque não pode dar qualquer coisa. Frutas cítricas e comidas industrializadas muito temperadas fazem mal em qualquer idade.

Dicas de como cuidar de hamster recém nascido

1- Isolamento inicial

A primeira coisa que você deve aprender sobre como cuidar de hamster recém nascido é: deixe isolado com a mamãe. Isso por aproximadamente 2 semanas.

E quando digo isolado, é isolado mesmo. Longe de barulhos, crianças ou outros animais da casa. Provavelmente a mãe hamster está passando por uma fase de bastante estresse e que exige muito dela, por isso a distância é essencial.

Não limpe a gaiola, não pegue nos filhotes. Tudo isso pode deixar rastros do seu cheiro e fazer com que a mãe abandone a ninhada e os mate.

Deixe que ela cuide deles, o seu único papel será o de garantir a alimentação e água disponível. Lembre de colocar a água em pratinhos rasos, não tigelas. Isso diminui o risco de afogamento dos filhotes.

Retire todos os brinquedos da gaiola, evita acidentes dos recém chegados. Lembre que nos primeiros dias eles nem abrem os olhos, por isso são muito frágeis.

Caso precise mexer por qualquer motivo que seja, não use as mãos. Pegue o filhote com o auxílio de uma colher.

Por fim, a temperatura deve ficar por volta dos 21º para que os filhotes fiquem saudáveis e confortáveis.

2- Esteja preparado para a morte de alguns recém nascidos

Por mais que você faça os procedimento corretamente, pode ser que a mãe hamster venha a matar algum dos filhotes. Ou mesmo que algum dos bebês não aguente.

Essa situação é comum e esse é mais um dos motivos pelo qual não é indicado a reprodução caseira.

Portanto se prepare para esse momento. Não dá para saber se vai acontecer ou não, mas há uma grande possibilidade. É bem triste, então fique pronto para encarar isso. 

Se tiver crianças em casa, talvez seja melhor que você só deixe ela saber o número de bebês depois que já estiverem maiores.

3- A mãe hamster morreu, e agora?

Esse é um outro cenário negativo, mas com chances de acontecer. A gestação exige muito da fêmea, se ela não tiver a cautela necessária pode ser que não aguente o parto.

O vídeo abaixo do canal AnimalPetFans mostra bem os cuidados prévios que se deve ter para o parto. Bem como alguns conselhos quanto a alimentação:

Se ela morrer, a nossa sugestão é que você peça ajuda imediatamente para um veterinário. A ninhada estará sozinha e isso torna a criação inicial mais complexa ainda. Busque com urgência um auxílio profissional.

4- Procure pelos tutores dos bebês

Por fim, caso você não vá ficar com a ninhada inteira (o que é muito provável devido ao número de filhotes) procure quem vai ficar com os filhotes. Vá atrás de tutores responsáveis e realmente interessados.

Divulgue a doação na internet ou peça ajuda do veterinário. É muito importante que você já tenha alguém em mente para quando puder afastar o filhote da mãe. 

E aí, animado para ter um roedorzinho em casa?

Agora que você já sabe como cuidar de hamster filhote, já tá preparado para dar o primeiro passo!

Quer conhecer outros animais interessantes? Veja esse post com uma lista dos melhores animais de estimação exóticos para você conferir. Vão de aves à répteis.

Crush Pets
  • Crush Pets é um Blog para todos os amantes de Pets. Seja cachorro, gato, tartaruga, furão, peixe... tanto faz! Aqui juntamos a comunidade e falamos sobre como cuidar dos animais que amamos 😉

ARTIGOS RELACIONADOS

- Advertisement -

POSTS FRESQUINHOS